Foto: Sintep-MT

Sintep-MT cobra aprovação do PL 36/2020

Sintep-MT

O Sindicato do Trabalhadores do Ensino Público de Mato Grosso (Sintep-MT), fez uma mobilização na Assembleia Legislativa nesta terça-feira, (20), às 8h com demais representantes do Fórum Sindical dos Servidores Públicos de Mato Grosso. Juntos reivindicam a aprovação urgente do Projeto de Lei 36/2020, que cancela o confisco de 14% dos salários de aposentados e pensionistas do estado, que recebem acima de R$ 3 mil.

Só para se ter uma ideia, alguns aposentados que antes tinham cerca de R$ 170,00 em descontos referentes à previdência, hoje têm confiscados da sua aposentadoria, aproximadamente R$ 890,00.

“O aumento da alíquota previdenciária impactou o bolso de todos os servidores públicos do estado, mas para os aposentados e pensionistas, podemos afirmar que foi desumano. Muitos colegas gastam boa parte de suas aposentadorias em remédios e esse aumento no valor descontado da remuneração desestabilizou o orçamento de centenas de famílias”, disse o presidente do Sindicato, Valdeir Pereira.

A esperança de que esses descontos voltem a incidir somente a partir do teto do INSS, (que hoje é de R$ 6,1 mil) conforme o Projeto de Lei Complementar nº 36/2020, proposto pelo deputado Lúdio Cabral (PT).

“O PL 36 já foi aprovado em primeira votação, mas agora está parado na Comissão de Constituição e Justiça da Assembleia. Os deputados estaduais, os representantes do povo, têm em suas mãos, o poder de desfazer o que foi um verdadeiro confisco nas aposentadorias dos nossos profissionais da educação. Esse é um momento mais que propício para avaliarmos bem de perto a postura de cada parlamentar, que de modo geral, sempre discursam dizendo valorizar essa carreira”, destacou Valdeir.

A direção fará o Ato seguindo as normativas de segurança e orientou todos os participantes a seguirem os protocolos de prevenção ao coronavírus, com uso de máscara e distanciamento seguro.


O que achou desta matéria? Dê sua nota!:

0 votes, 0 avg. rating

Deixe um comentário