Foto: Reprodução

Hospital Regional de Sorriso passa por reforma de ampliação

Da Redação

O Hospital Regional de Sorriso iniciou, nesta segunda-feira (10), a reforma de ampliação da sua estrutura. O edital de licitação foi publicado no Diário Oficial do dia 25 de novembro de 2019 e o valor da obra é estimado em R$ 8.494.452,57.

O investimento proporcionará um acréscimo de 2.613,22 metros quadrados ao prédio, incluindo recuperação da fachada, recepções, salas de espera, cozinha, refeitório, consultórios, enfermarias, centro cirúrgico, Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) e salas de urgência e emergência.

“Como já havíamos anunciado, fizemos o processo licitatório, finalizamos todas as etapas burocráticas, assinamos o contrato e já emitimos ordem de fornecimento. É importante frisar que não se trata apenas da conclusão de uma cozinha iniciada há 10 anos, mas sim da reforma completa do Hospital Regional”, declarou o secretário de Estado de Saúde, Gilberto Figueiredo.

Além disso, os trabalhos de readequação predial preveem substituição da cobertura, com a troca de todo o telhado, piso, pintura das paredes, instalações elétricas e a inclusão do Programa de Combate ao Incêndio e Pânico.

Com esse investimento, o Hospital Regional de Sorriso passará a contar com mais 38 leitos de pronto atendimento; duas salas de parto e 12 leitos para maternidade; mais uma sala de centro cirúrgico e sala de recuperação anestésica. A previsão da SES-MT é concluir o cronograma da obra em abril de 2021.

Conforme o secretário de Saúde, o cronograma da obra não vai interferir no atendimento aos pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS), que continuará realizando os serviços de referência para 15 municípios da região, sendo prevista a realocação de pacientes, sempre que necessário, dentro da própria unidade hospitalar.

“Essa robusta iniciativa está ligada às outras ações que ocorrem nas unidades de todo o estado. Iniciamos de forma prática o projeto de Modernização da Infraestrutura dos Hospitais Regionais e das Unidades Especializadas do Estado de Mato Grosso e contemplaremos praticamente toda a rede estadual, além de também trabalharmos para o surgimento de novas unidades”, concluiu o gestor.

Fonte: Assessoria


O que achou desta matéria? Dê sua nota!:

0 votes, 0 avg. rating

Deixe um comentário