Foto: Seduc-MT

Escolas Estaduais estão preparadas para volta às aulas de forma segura; ainda há vagas

Da Redação

As escolas da rede estadual de ensino de Mato Grosso estão em fase de preparação para retomar as atividades de forma segura para os alunos e professores em relação ao novo coronavírus. Diretorias das unidades de ensino já providenciaram a compra de itens essenciais nesse momento de pandemia, como máscaras e álcool em gel, e foram orientadas sobre os cuidados a serem tomados para evitar a propagação da Covid-19.

O retorno das aulas deverá ocorrer de forma híbrida: a cada dia, metade da turma vai assistir a aula presencial. Quando não estiver em sala de aula, o estudante terá tarefas e ensino direcionado, conforme determinado pela Secretaria de Estado de Educação (Seduc-MT).

Material obrigatório

A Seduc-MT publicou instrução normativa no Diário Oficial do dia 16 de novembro de 2020 sobre repasse de recursos financeiros às unidades de ensino para que fossem adotadas providências a fim de não colocar em risco a saúde de estudantes e professores em sala de aula.

Ainda estabelece que os recursos transferidos devem ser aplicados para aquisição de bens e serviços que a unidade escolar ainda não tenha adquirido com outros recursos, dando prioridade a:

– uma máscara facial protetora, com viseira, para cada profissional da escola;

– luvas, toucas, aventais e demais equipamentos de proteção individual necessários para profissionais das áreas de limpeza e nutrição escolar;

– dois termômetros infravermelhos corporais sem contato;

– material de limpeza, higienização e sanitização, tais como, álcool 70%, álcool gel 70%, água sanitária, detergente e sabonetes líquidos sanitizantes;

– materiais de consumo descartáveis, tais como, copos, papel toalha, entre outros;

– dispensador vertical de álcool em gel 70% com pedal para a entrada da escola;

– equipamentos e utensílios de limpeza e higienização, tais como, baldes, vassouras, rodos, borrifadores de sanitizantes em ambientes, entre outros.

A instrução normativa determina ainda que as escolas terão que manter estoque de contingência de máscaras descartáveis.

Vagas nas Escolas Estaduais

Pais e responsáveis devem ficar atentos ao prazo para a solicitação de matrícula de novos alunos na rede estadual de ensino de Mato Grosso, que termina na quarta-feira (13). Ainda estão disponíveis 56,4 mil vagas. A volta às aulas irá respeitar todos os protocolos de biossegurança para evitar a propagação do novo coronavírus.

Em Cuiabá, a unidade com mais vagas disponíveis é a tradicional Escola Estadual Presidente Médici, com mais de 750 matrículas em aberto para os períodos matutino e noturno nos ensinos Fundamental e Médio. A escola passa por uma reformulação e a partir deste ano terá na direção um policial rodoviário federal. Entretanto, a unidade continua a oferecer o ensino tradicional, não sendo transformada em uma escola militar.

As escolas estaduais Pascoal Ramos (719) e Tancredo de Almeida Neves (653) também possuem um grande número de vagas abertas. A Escola Estadual Liceu Cuiabano Maria de Arruda Muller, tradicional na cidade, tem apenas 27 vagas na tarde desta segunda-feira (11), mas todas para o 1º ano no período noturno.

Na capital foram ofertadas 18,2 mil novas vagas, das quais 11,2 mil ainda estão abertas. Nos demais municípios, das 61 mil matrículas oferecidas, 45,6 mil ainda podem ser solicitadas para os estudantes.

Para o ano letivo de 2021 a Seduc-MT abriu mais de 78,3 mil vagas em 323 escolas de 52 municípios. Os pedidos de matrículas podem ser feitos pelo site www.seduc.mt.gov.br.

Nas demais escolas a matrícula é feita de forma presencial.

Cadastro do usuário e Matrícula

Antes de solicitar a matrícula web é preciso que pais ou responsáveis façam o cadastro do usuário no site www.seduc.mt.gov.br. Esse procedimento vai gerar um login e uma senha de acesso do usuário, que deverão ser usados para a matrícula.

Ao confirmar o pedido para matricular o estudante, o sistema vai emitir uma ficha que terá que ser levada até a unidade escolar. O horário e a data para isso estarão impressos nesse comprovante, que trará ainda a lista de documentos exigidos para a matrícula, que só será efetivada quando for validada pela escola.

O horário de atendimento para confirmação da matrícula nas unidades de ensino que atendem nos três turnos será das 7h às 19h e nas que atendem dois turnos, das 7h às 18h30.

Documentação

Para confirmar a matrícula, o aluno maior de 18 anos ou os pais/responsáveis devem levar originais e cópias dos seguintes documentos:

– RG e CPF do pai, da mãe ou do responsável legal;

– certidão de nascimento ou casamento do aluno;

– RG e CPF do aluno;

– fatura atualizada de energia elétrica da residência dos pais/responsáveis;

– histórico escolar ou atestados de transferência para alunos transferidos;

– tipo do Grupo Sanguíneo e Fator RH do aluno;

– cartão atualizado de vacina do aluno (de acordo com a Lei Estadual nº10.736, de 09 de agosto de 2018);

– atestado médico oftalmológico do aluno, apenas para o Ensino Fundamental (de acordo com a Lei Estadual n°10.739, de 10 de agosto de 2018).

Suporte

Pais ou responsáveis que não têm acesso à internet podem ir até a sede da Seduc, onde há dez terminais de computadores para realização da matrícula web. Os que tiverem dificuldade para fazer o procedimento terão ajuda de técnicos da Secretaria de Educação.

A Seduc fica no Centro Político Administrativo, na mesma rua da antiga sede, local onde anteriormente funcionava a Secretaria de Infraestruturta (Sinfra).

Fonte: Seduc-MT


O que achou desta matéria? Dê sua nota!:

0 votes, 0 avg. rating

Deixe um comentário